Música & Saúde: Musicoterapia e Idosos Institucionalizados

Música & Saúde: Musicoterapia e Idosos Institucionalizados.

Esta é uma contribuição do blog Música & Saúde a fazer-nos refletir sobre a relevância atual das instituições de longa permanência para idosos (ILPI) ou, como ainda são conhecidas, casas geriátricas, abrigos ou asilos. A matéria nos faz pensar que, apesar de o Estatuto do Idoso preconizar o cuidado no domicílio e comunidade, não podemos permitir que não seja preenchida a lacuna do cuidado às pessoas que não têm mais um núcleo familiar estável, eficiente, afetivo ou simplesmente  não têm qualquer vínculo familiar e, ao mesmo tempo, necessitam de auxílio para tomar suas decisões e conduzir suas vidas com dignidade.

As instituições devem continuar existindo, porém, sua prática precisa ser adequadamente fiscalizada e continuamente monitorada segundo padrão mínimo adotado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA (clique para ver a Resolução RDC/ANVISA nº 283, de 26 de setembro de 2005). Se respeitado à risca, esse padrão garante o ponto de partida da qualidade assistencial que, aliado aos esforços dos gestores, profissionais da saúde e pressão da comunidade, irá gradativamente substituir aquela imagem de decrepitude que nos vem à mente sempre que pensamos em ILPI.

É importante valorizarmos e multiplicarmos as ações inovadoras nessa área e mesmo as instituições que se destacam pela humanização, respeito integral às normas técnicas vigentes e custo-efetividade. A matéria então, expõe o caso do Grupo Vida: fundado em 1997, o Grupo Vida presta serviços gratuitos às pessoas com idade igual ou superior a 60 anos. Localizada em Barueri, SP, a entidade tem atuação nacional. A Musicoterapia foi implantada por meio do trabalho da Mt. Flávia Nogueira, autora do Blog Música e Saúde, com que o Setor de Reabilitação Gerontológica teve o prazer de trabalhar quando ela ainda era uma estagiária de graduação (bacharelado em Musicoterapia). O setor se orgulha muito de ter participado de uma fase de sua formação acadêmica!

Uma resposta para “Música & Saúde: Musicoterapia e Idosos Institucionalizados

  1. Renata

    O estágio realizado no setor de reabilitação gerontológica do LESF não só contribuiu na experiência e conhecimento, como foi decisivo na minha escolha de área, despertando o amor pelo trabalho com idosos!
    Pós graduação? Gerontologia é claro!
    Grande abraço!
    Flávia Nogueira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s